Blog Agencia Maranhão - Sua Central de Notícias

EXCLUSIVO: Após planificação de atenção à Saúde, Caxias ganha 1º Lugar em premiação nacional

Foto: Prefeito de Caxias-MA  Fábio Gentil  ( Reprodução )

A Planificação da Atenção à Saúde realizada na regional de Caxias, pela Secretaria de Estado da Saúde (SES) em parceria com o Conselho Nacional de Secretários de Saúde (Conass) e prefeituras municipais, garantiu ao município de Caxias a primeira colocação, na categoria relato de experiência, na 16ª Mostra Nacional de Experiências Bem-Sucedidas em Epidemiologia, Prevenção e Controle de Doenças (EXPOEPI). A premiação aconteceu na sexta-feira (6), em Brasília (DF).

( Reprodução )

“A redução da mortalidade materna e infantil é uma das metas do governo Flávio Dino. Nesse contexto, esse prêmio que a cidade de Caxias recebeu, devido à redução dos índices no município e da região através do processo de organização dos serviços na Planificação da Atenção à Saúde, é uma prova de que estamos no rumo certo. É um trabalho conjunto de cuidar dos maranhenses”, comemorou o secretário de Estado da Saúde, Carlos Lula.

A regional de saúde de Caxias, composta por seis municípios, foi a primeira a iniciar a Planificação da Atenção à Saúde em 2015. Variáveis como interlocução entre os pontos de atenção à saúde, manejo do pré-natal de risco habitual e alto risco e governança regional foram fatores que ajudaram a alcançar os resultados de redução na mortalidade materna. Em 2015, quando iniciou o projeto, a taxa de mortalidade era de 308,34/mil habitantes, em 2019, esse índice foi reduzido para 51,68/mil habitantes.

Segundo a chefe do Departamento de Atenção à Saúde da Família e coordenadora estadual do PlanificaSUS, Ana Carolina Fernandes, para os resultados positivos aparecerem foi necessário o envolvimento e sensibilização de gestores em todos os níveis, da atenção primária à atenção especializada, coordenadores e profissionais de saúde.

“O alinhamento é uma constante entre o nível estadual, municipal e equipe Conass através dos grupos condutores. Isso tem sido um grande diferencial para a sustentabilidade de todo o processo, resultando não só na redução da mortalidade materna na cidade de Caxias, mas também em toda regional de saúde”, comentou.

A cidade de Caxias concorreu ao prêmio com outros 1.180 trabalhos inscritos e foi o único município do Norte e Nordeste na disputa. Além do reconhecimento, o município recebeu o prêmio de R$ 50 mil, que serão aplicados em novas melhorias na Maternidade Carmosina Coutinho, referência municipal no atendimento de média e alta complexidade e que recebe recursos do governo estadual para atender mais de 46 municípios da região.

A EXPOEPI aconteceu do dia 2 a 6 de dezembro, em Brasília, e teve como objetivo difundir temas importantes para a consolidação do Sistema Único de Saúde (SUS) e premiar, por meio de sua mostra competitiva, os profissionais, serviços de saúde e movimentos sociais do país que se destacaram no desenvolvimento de ações de vigilância em saúde relevantes para a saúde pública.

Planificação

A Planificação da Atenção à Saúde (PAS), proposta do Conass e adotada pelo Governo do Maranhão, trabalha a qualificação da atenção à saúde da população, através, principalmente, da organização dos processos de trabalho na Atenção Primária à Saúde (APS), na Atenção Especializada (AE) e Hospitalar. Em Caxias, o eixo prioritário é a rede materno-infantil.

O trabalho que resultou na redução dos índices de mortalidade em Caxias inicia na Atenção Primária, quando a gestante passa pelo posto de saúde de atenção primária e é estratificada e classificada. Se a gestação é de risco habitual, a gestante permanece com o pré-natal na rede de atenção primária.

Caso a gestação seja de alto risco, a gestante é encaminhada para o Centro de Atenção Especializada a Saúde da Mulher (CEAMI). O parto é realizado, então, na Maternidade Carmosina Coutinho, unidade referência para a planificação. Ela pode ter o parto realizado ainda na Maternidade de Alta Complexidade do Maranhão (MACMA), em São Luís.

“A Planificação da Atenção à Saúde trouxe consigo o reconhecimento do verdadeiro papel da Atenção Primária, trouxe a certeza que é possível fazer mais com menos, transformar práticas de trabalho e que é possível, com a organização de processos, atingir resultados antes inimagináveis”, finalizou Ana Carolina Fernandes.

As regiões de saúde de Timon, Balsas e São João dos Patos também iniciaram o processo de planificação. Atualmente, a regional de Barra do Corda encontra-se em processo de pactuação e adesão.

Com Informações: https://www.saude.ma.gov.br

 
Acompanhe o Blog Agência Maranhão pelo Facebook.
Categoria: Cidades

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatório são marcados *

*